Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Greenquete
Qual será o desempenho do Verdão na Série B 2013?
Sobe como campeão
Sobe, mas não é campeão
Permanece na Segundona
Cai para a Série C
Ver Resultados

Rating: 3.5/5 (185 votos)




ONLINE
2










O SITE MAIS COMPLETO DA TORCIDA QUE CANTA E VIBRA
Músicas

 

A MAIS VIBRANTE É FODA

A mais vibrante é foda
É tradição, não é moda
Quem disse que acabou?
Eu digo: Nada mudou!

Ô ô ô ô ô

Ô ô ô ô ô
Ô ô ô ô ô
Ô ô ô ô ô



A MANCHA AGITOU

Embala ô

Ô ô ô ô ô
A Mancha agitou
E o Verdão ganhou



A MANCHA É GUERREIRA

Sou Palmeiras
A Mancha é guerreira
O meu time é um vencedor
E a torcida é um terror
Por isso eu canto

E dá-lhe, dá-lhe Porco

E dá-lhe, dá-lhe Porco
E dá-lhe, dá-lhe Porco
Dá-lhe Porco
E dá-lhe, dá-lhe Porco
E dá-lhe, dá-lhe Porco
E dá-lhe, dá-lhe Porco



A RAZÃO DO MEU VIVER

Não é só a voz do coração
Não é só a força do meu ser
É muito mais do que amor e paixão
É simplesmente a razão do meu viver



A VOZ DO CAMPEÃO

Sou Palmeiras, a voz do campeão
Sou Alviverde, eu sou Verdão de coração



AMOR PRIMEIRO

Não adianta chegar, ficar de cara feia
Eu conheci o Palmeiras antes de te namorar
Se você me ama, segura tua onda
Participa, não critica, e começa a vibrar!



AQUI TEM UM BANDO DE PORCO

Aqui tem um bando de Porco
Rindo de ti, Corinthians!
Pra aqueles que acham que é pouco
Vá tomar no cu, Corinthians!
Eu canto até ficar rouco
Rouco de te zuar
Vamo, vamo, meu Verdão!
Vamo, meu Verdão!
Vamo matar Gambá



BALANCÊ

Ô balancê, balancê
Vâmo botar pra correr
Caminho de Casa, os Bicha correu
Lá na Codeba, a TUIGAY se fudeu
Pedrada em Itapuã
Mancha Verde, chapa quente
Corre da gente
Ô bicharada, sou seu terror!
Mancha Verde Salvador



BATE NA PALMA DA MÃO

Bate na palma da mão

Bate na palma da mão
Bate na palma da mão
Gaviões só tem cuzão



BOI DA CARA PRETA

Boi, boi, boi
Boi da cara preta
Segunda divisão de camisa violeta



BORBULHAS DE AMOR

Quem dera ser o Peixe
Pra todo dia e toda noite eu chorar
Perder pro Porco, pros Bamby e pros Gambá
Ficar no meu aquário, e não sorrir
O Peixe, para fazer da minha vida uma tortura
Já quis ser grande e viver uma aventura
Tentei uma loucura, não consegui...



CAI CAI TIMÃO

Cai cai, Timão
Cai cai, Timão
Segunda divisão
Não cai não, não cai não, não cai não
O juiz não deixa não

Cai cai, Timão

Cai cai, Timão
Segunda divisão
Não cai não, não cai não, não cai não
O juiz é um ladrão



CANTAMOS TODOS

Cantamos todos que a Mancha está em festa
Cantamos todos que a Mancha é carnaval
O meu Palmeiras tem a Libertadores
E já foi campeão do verdadeiro Mundial



CHORA E LIGA

Não era pra você se empolgar
Era só pra participar
Eu te avisei
Gambá, eu te avisei!
Você sabia que ia ser assim Timão
Na quarta à noite ia ser o fim
Eu te avisei
Gambá, eu te avisei!

Não vai ser tão fácil assim ter a taça na mão
Ainda mais você que é acostumado a ganhar somente o Paulistão
Não venha me perguntar qual a melhor saída
Se é trocar de treinador pra iludir sua torcida

Chora e liga agora o Playstation de novo
E pede socorro
Só ele vai te salvar
Agora desliga que o jogo já terminou
E pede por favor
Quem sabe a Fifa volte a te ajudar



CHORA QUE É PIMENTA

Já que você me provocou, agora experimenta
Chora que é pimenta, chora que é pimenta
O Palestra é o terror, será que você agüenta?
É gás de pimenta, é gás de pimenta



DE TODOS OS AMIGOS

De todos os amigos que eu tive, és o mais antigo
Palestra Itália, meu grande amigo
De todos os amores que eu tive, és o mais sincero
Eu sou Palmeiras, amor eterno



DIA DE FESTA

Domingo é dia, é dia de festa
Palestra, o meu grande amor
Sonhava um dia que me desse alegria
E esse dia é hoje, meu Porco!

Com a TUP do Palmeiras, vou te incentivar

E na arquibancada, nunca paro de cantar

O meu Porco é tradição

Eu sou da mais vibrante e contagio essa nação
O meu Porco é tradição
Eu sou Palmeiras, e vou gritar “É campeão!”



DIGNIDADE, UNIÃO E GLÓRIAS

Se liga aí, maluco, preste atenção no que eu vou falar
Eu vou mandar uma rima pra desconcertar
M-A-N-C-H-A
Mancha Verde na parada, pode acreditar
Em 83, ela foi fundada
Chegou na humildade e dominou a arquibancada
Logo depois, veio o nosso bandeirão
O maior do mundo, não tem competição, não tem não
Falo isso com orgulho e não tenho medo
Me desculpa concorrência, mas não tem jeito
Nem melhor nem pior, apenas diferente

O clima tá bom, eu vou seguir em frente

O clima tá bom, mas não posso esquecer
A repressão que ela sofre, mano, é pra valer
Na arquibancada, o Choque pega pesado
Fica esperto, mano, a Mancha Verde é o alvo
Tem que ter noção, tem que ter malícia
Para poder dar um bonde na polícia
Estou com ela sim, sou envolvido, e daí?
Pois eu estou na Mancha Verde, e a Mancha Verde está em mim

Dignidade, União e Glórias

Vem, Mancha Verde, essa é nossa hora
Dignidade, União e Glórias
Vem, Mancha Verde, essa é nossa hora

D-U-G

Vem no proceder
Maluco mandando a idéia certa na batida, pode crer
E na batucada, só tem bamba
Abre alas que chegou a escola de samba
Todo mundo trabalhando num só ideal
Será melhor na avenida ganhar o carnaval
Aí jurado, não quero ver maldade
A minha Mancha desfilou e abalou a cidade

Todo ano aqui tem festa do Hawaii

Deixa os problemas, vem pra cá, vamos curtir
Porque aqui nós somos uma família
100% formada com a periferia
O governo te esquece, mas a Mancha não
A nossa quadra está aberta para a população
População na maioria carente
A molecada na escolinha joga bola contente
Se não estivesse aqui, podia estar lá fora
Roubando, cheirando ou talvez pedindo esmola
Este é o nosso lema, essa é a nossa hora
Dignidade, União e Glórias

Dignidade, União e Glórias

Vem, Mancha Verde, essa é nossa hora
Dignidade, União e Glórias
Vem, Mancha Verde, essa é nossa hora

Olhando por nós de lá do céu

O maior dos palmeirenses, o seu nome é Cléo
Nivaldo, irmão, sem palavras parceiro
Descansem em paz os dois guerreiros
A família Mancha Verde tem saudade de vocês
Nivaldo, Cléo, nunca iremos esquecer
Não posso deixar de falar de uma pessoa
Aliado, sangue bom, gente boa
Paulo Rogério de Aquino - para nós, Paulinho
Um presidente pulso forte, um presidente amigo
É importante deixar bem claro
Que no momento mais difícil, ele estava do nosso lado
Nunca deixou a Mancha em segundo plano
Aí Paulinho, você é o nosso mano

Pega fumaça e a nova faixa

Vamos torcer para o Verdão levantar a taça
Em 97 que chegou
Bum! Terror! Mancha Alviverde é do Porco!
É verde na bandeira, sou forte, sou guerreira
Mancha Alviverde, a nova voz do Palmeiras
Uma torcida muito forte
Na Leste, Oeste, Centro, na Sul ou na Norte
Essa é a história de uma família
Escola de samba e também uma torcida
Se você desacredita, venha ver pra crer
Nossa união é que nos dá o poder de ser

Dignidade, União e Glórias

Vem, Mancha Verde, essa é nossa hora
Dignidade, União e Glórias
Vem, Mancha Verde, essa é nossa hora

Não existe tempo ruim para um manchista

Juntos, transformamos qualquer tempo



DOMINGO

Domingo vai ter um joguinho aí (ô ô ô ô)
Mancha Verde tá aí
Vai dar uma força pro Palmeiras
Não vai ser de brincadeira
Ele vai ser campeão (por que?)

Por que meu time bota pra fuder

E a Mancha Verde dá porrada pra valer (ô ô ô ô)

Ô ô ô ô ô ô ô

Ô ô ô ô ô
Ô ô ô
Mancha!



DOUTOR, EU NÃO ME ENGANO

Doutor, eu não me engano
Filho da puta é corintiano

Eu não sabia mais o que fazer

Mandei corintiano ir pra casa se fuder

Ahhh doutor, eu não me engano

Filho da puta é corintiano



EI, VOCÊ AÍ!

Ei, você aí!
Parece uma bichinha que só vai no Morumbi (Cuzão!)



ERA UM TIME MUITO ENGRAÇADO

Era um time muito engraçado
Não tinha história, não tinha estádio
Libertadores, não tinham não
E pelo jeito, nunca terão
Quase não via bola na rede
Todos subiam pela parede
Freguês eterno do meu Verdão
Na sua torcida, só tem ladrão
Não adianta tentar vencer
Gambá fedido, cê vai morrer!



ESTAREI COM MEU VERDÃO (VERSÃO: WORLD HOLD ON)

Gol
Ou não
Não importa o que aconteça
Estarei com meu Verdão



EU SEI QUE O MEU VERDÃO NÃO CAI

O Verdão tá vacilando, acho que tá dando mole
Ele tá escorregando já faz tempo
Isso não vai prestar... Não vai!
A arbitragem sempre rouba, tem também a Rede Globo
O que será que ela tá querendo?
Meu Verdão derrubar!

Mas não vamos deixar, vem lutar, vem cantar o tempo todo e empurrar
O Verdão vai escapar, ah vai...
E no fim, bem assim, que delícia, é gostoso demais
Vamos comemorar... E a Galinhada Louca!

Ai ai ai ai ai ai, eu sei que o meu Verdão no cai
Ai ai ai ai, vou torcer pro Porco, eu quero é mais!
Ai ai ai ai ai, só sei que o meu Verdão não cai
Ai ai ai ai ai, eu tô de boa, eu tô em paz!



EU SÓ QUERO É SER FELIZ

Eu só quero é ser feliz
Brocar a gazelinha, os gambá e os lambaris
E poder me orgulhar
Saber que o Verdão só entra em campo pra ganhar



EU SOU DA MANCHA

Quando o Palmeiras joga
Eu vou pra incentivar
Ganhando ou perdendo
Não paro de cantar
No dia em que eu morrer (vai demorar!)
Eu quero o meu caixão
Pintado de verde e branco
Como o meu coração

Que alegria, que alegria!

Olê Olê Olá
Eu sou da Mancha, estou em festa
Eu faço o carnaval



EU SOU PALMEIRAS ATÉ MORRER

Dá-lhe alegria, alegria no coração (o que, o que?)
Daria a vida inteira pra ser campeão
A Taça Libertadores, obsessão
Tem que jogar com a alma e o coração (olê olê)

Olê, olê!

Eu canto, eu sou Palmeiras até morrer (olê olê)
Olê, olê!
Eu canto, eu sou Palmeiras até morrer (alegria!)



EU SOU PALMEIRAS, SIM SENHOR

Dá-lhe, dá-lhe, dá-lhe ô
Dá-lhe, dá-lhe, dá-lhe ô
Eu sou Palmeiras, sim senhor
E bebo todas que vier
E tô com meu Porco
Meu único amor



EU SOU SAVÓIA

Palmeiras, Palmeiras, Palmeiras, eu vou cantar
Palmeiras, Palmeiras, Palmeiras, incentivar

Eu sou Savóia, eu sou Palmeiras, você é minha razão

Na vitória ou na derrota, te levo no coração



EU TE AMO, PORCO!

Pênalti roubado, gol mal anulado, vermelho pro atacante do Palmeiras
Juiz filho da puta, estragando a luta do meu time, o verdadeiro campeão
Torcida Gavião começando a confusão, e os PM como sempre foi culpando a do Verdão

A Mancha estremece (e o pau quebrou!)
A Mancha estremece (e o pau quebrou!)
A Mancha estremece e começa a revidar
Mas a imprensa protege os Gambá

E os Bamby falam demais, se acham demais
Mas não conseguem ganhar da gente
E pra deixar bem claro que eu estou com a razão
Eu vou cantar com o coração
Cantar, cantar...

Eu te amo, Porco!
Eu te amo, Porco!
Eu não consigo viver sem o meu Verdão
Faço de tudo para ser o campeão



FESTA NO CHIQUEIRO

Chiqueiro ô ô

Chiqueiro ô ô
Chiqueiro
Festa no Chiqueiro



FOI NO PALESTRA ITÁLIA


Foi

Foi no Palestra Itália
Que eu vi acontecer
Final Libertadores
O meu Palmeiras vencer
Eu digo: foi, foi, foi
Foi no Palestra Itália
Que eu vi acontecer
Final Libertadores
O meu Palmeiras vencer

Muita força de vontade

Muita garra, muita luta
Meu Palmeiras campeão
Ganhou mais uma disputa
Mancha na arquibancada
Não parava de cantar
Com muita dignidade
As suas glórias alcançar



FUNK DO TOLIMINADO

Hoje o Ronaldo comeu um prato de feijão

Gordo desse jeito, tá difícil pro Timão
Fica no Twitter falando palhaçada
Aí tá explicado por que o time é centenada
E o Roberto Carlos que tá todo quebrado
Já passou da hora de ter se aposentado
Foi lá pra Colômbia sentindo muitas dores
E o Timão que não passa nem da Pré-Libertadores
Jogou com o Tolima, foi toliminado
A Libertadores só pela TV a cabo



GANHAR DO CHELSEA É FÁCIL

Ganhar do Chelsea é fácil
É mole, até rima
Quero ver tirar essa onda jogando contra o Tolima



HINO DAS GALINHAS

Salve o Corinthians
Time que não tem tradição
Eternamente
Freguês fiel do meu Verdão
Salve o Corinthians
E vá pra puta que pariu
Tu és o orgulho
Dos traficantes do Brasil

Teu passado é uma roubalheira

Teu presente é um camburão
E só ganha o Brasileiro
Se tiver juiz ladrão

Corinthians, grande time fuleiro

Sem atacante, sem lateral e sem zagueiro

Salve o Corinthians

Pior desgraça da nação
Anda matando
O torcedor do coração
Salve o Corinthians
Mais um ladrão de Itaquera
E o meu dinheiro
Sai voando pela janela

Teu passado é um mistério
Teu presente é uma ilusão
Tua bandeira é um defunto
Que apodrece no caixão

É o Center Nada
Do time inteiro
E a galinhada
Vai virar canja no chiqueiro



HINO DAS GAZELAS

Salve o Tricoflor Paulista
Vergonha do país inteiro
Tu és fraco, tu és Bamby
Dentre os Bambis, és o primeiro
Tu és fraco, tu és Bamby
Dentre os Bambis, és o primeiro

Oh, Tricoflor!

Time de viado
A tua glória
É dar o rabo

Teu goleiro é um frangueiro

O time não vai mais pra frente
Os jogadores não são homens
Não são homens o suficiente
Os jogadores não são homens
Não são homens o suficiente

Oh, Tricoflor!

Foi desclassificado
As tuas glórias
Ficaram no passado



HINO DOS PEIXINHOS

Agora quem pipoca é o Santos
O Santos é o vice-campeão
Asqueroso alvinegro praiano
Não consegue nem ganhar do São Caetano

Santos!

Santos, sempre Santos
O timinho de uma nação
Se não tem Neymar
Peixinho vai chorar
E dar adeus ao Paulistão



IMPRENSA DE GAMBÁ

Porco, canta comigo
Nessa campanha, quero sempre estar contigo
Não estamos aqui pra agradar ninguém
Mas se sentir incomodado, pode vim que tem
Nós cantaremos de coração
A Mancha Verde quer ver você campeão
Não importa o que diga
Essa imprensa de gambá
Eu te sigo em todas partes
Palmeiras, sempre vou te amar!



JESUS É PALESTRINO

Jesus desde menino

É palestrino
É palestrino
Palmeeeeeiras
Palmeeeeeiras
Palmeeeeeiras
Palmeeeeeiras
Palmeiras!



KLÉBER, O GLADIADOR

"Ele se destacou no Brasil

E foi transferido para a Ucrânia
Onde se adaptou ao estilo de jogo duro e pesado do leste europeu
Tornando-se assim: Kléber, o Gladiador!"

O campo é uma arena, e nele escrevo a minha história

Sigo a minha trajetória sempre buscando a vitória
Sou mais que um jogador, mais que um goleador
Dou meu sangue na partida, eu sou um Gladiador
A soma da coragem, raça e determinação
Derramo o meu suor, eu jogo com o coração
Defendo minha camisa sempre com unhas e dentes
O jogo é uma guerra, e eu tô na linha de frente

Mais que um jogador, que um goleador...

É o Gladiador!
É o Gladiador!

É o Gladiador!

É o Gladiador!
É o Gladiador!
Ele voltou

"Muitos falam que eu sou um jogador problema

Mas agora eu vou falar a verdade
Eu sou um verdadeiro problema
Mas é para a zaga dos meus adversários"



LIBERTADORES NÃO É PRA GAMBÁ

Mancha Verde vai atormentar
Morre de inveja, eu sou Palestra
Libertadores não é pra Gambá
Sociedade Esportiva, minha vida é Palmeiras
No meu coração, a Mancha é guerreira
Pra cima, Palmeiras!
Pra cima, Palmeiras!



LUTA LIVRE

Foi numa festa, teve luta livre
E nessa festa, a Mancha apavorou
Tanta pancada, eu não me contive
Daquele jeito que você sonhou

Da Fúria Jovem, eu parti pra cima
Uma centena eu deixei no chão
E a Fla Jovem veio num segundo
Queimei camisa, faixa e bandeirão

Quase no fim da festa, a Bicharada apareceu (com quem?)
Junto com a Galinhada
Agora é só vocês e eu

Eu dei porrada até em português
A Galinhada correu outra vez
E a Bicharada foi parar no hospital



MANCHA VERDE É O TERROR

Ê ô, Ê ô, Mancha Verde é o terror

Ê ô, Ê á, Mancha vai atormentar



MEU BEM QUERER

Meu Palmeiras, meu Palmeiras
Você é meu bem querer (meu bem querer)
Eu vou falar pra todo mundo
Vou falar pra todo mundo
Que eu só quero é você



MEU PALMEIRAS, MINHA VIDA

Meu Palmeiras, minha vida
A razão do meu viver
Se ele jogasse lá no céu
Eu morreria só pra te ver

Olê Porco, olê Porco!
Olê Porco, olê Porco!
Olê Porco ô!
Olê Porco ô!
Olê Porco ô!
Olê Porco!



MEU PALMEIRAS VAI JOGAR

Meu Palmeiras vai jogar
Junto dele eu sei que estou
Não me canso de cantar
Pra fazê-lo vencedor

Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco

Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco
Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco
Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco



MINHA FÉ, RELIGIÃO!

Dá-lhe, dá-lhe, dá-lhe Palmeiras
Eu sou da Mancha Guerreira
De corpo, alma e coração
Vamo, vamo, meu Verdão
Tem que ter raça pra ser campeão
Te amo tanto, meu Palmeiras
Minha fé, religião!



NADA VAI MUDAR O NOSSO AMOR

Nada vai mudar o nosso amor
Nada vai mudar nossa paixão
Palmeiras, minha vida é você
Tu és quem mora no meu coração
Por isso, eu sou feliz
Por isso, eu sou feliz
Por isso, eu canto forte
Te amo, meu Verdão!
Te amo, meu Verdão!
Te amo até a morte



NÃO É MOLE NÃO

Não é mole não
Roubou o meu Palmeiras pra ser vice-campeão
Não é brincadeira
O Leão agora é vice até do Bahia de Feira



NÃO VAI VOLTAR PRA SÉRIE A

Vai logo embora, Gambá!
Não vai voltar pra Série A
Vai logo embora, Gambá!
Não vai voltar pra Série A

Não vai voltar pra Série A

Não vai voltar pra Série A
Não vai voltar pra Série A
Não vai voltar pra Série A

Foi goleado no Pacaembu

Não teve jeito, o Timão tomou no cu
Tentou ganhar, mas não teve solução
Tomou cacete mais uma vez no Mineirão

Agora vai pegar o Fortaleza, o Avaí

O Santo André, o Gama e o Barueri
E quando for jogar com o Bahia
Vai pro Jóia da Princesa pra tentar ser mais feliz

Mas veja pelo lado bom, Gambá:

Agora você vai poder vencer... do ABC!



O AMOR É VERDE

O amor é verde
Branca a razão
Eu plantei Palmeiras
No coração

Para a natureza

Se eternizar
Hasteou Palmeiras
Em seu altar

Esse amor imenso

Flor da emoção
Um jardim suspenso
Pela paixão
Todo dia eu sou campeão

Palmeeeeeiras

Palmeeeeeiras

Saludo o Fábio, o Salvador, Lula, Procópio, Juvenal

Oberdan, Turcão e Túlio, Dema, Rincão e o Animal
Saludo o Eurico, o Carabina, Aldemar, Djalma Santos, Canhotinho e Vavá
Jorge Mendonça, Tupãzinho, Romeu, Jorginhos e Ademar
Zequinha, Nardo, Gildo, Alfredo e Edus
Cláudio, Mazinho, Djalma Dias, Fuscão, Fedato e Dudu
Saludo o Zetti, Nei, Copeu, Minuca, Américo e Caieira
Rodrigues, Zeca, Sérgio, Edílson, Artime, Luís Pereira
Geraldo Scotto, Pio, Enéas, Vasconcelos, Chinesinho
Servílio, César, Gildo, Carlos, Rosemiro, Lima e Zinho
Mário Sérgio e Leivinha, Ronaldo, Vicente, Leão
Roberto Carlos, Isidoro, Antônio Carlos e Tonhão
Salve Toninho, Mirandinha, Romeu, Julinho e Evair
César Sampaio, Escurinho, Mazzola, Borges e Valdir
Telê, Minelli, Travaglini, Brandão e Fio com a Academia
Obrigado Luxemburgo, Salve Ademir da Guia!

Amaral, Djalminha, Muller, Veloso

Sandro, Júnior, Rivaldo, Galeano
Osni, Alex Alves, Vágner, Cléber
Gustavo, Conceição, Cafú, Luizão

Palmeeeeeiras

Palmeeeeeiras
Palmeeeeeiras
Palmeeeeeiras



O CAMPEÃO DOS CAMPEÕES

Ô ô ô ô ô
Ô ô ô ô ô
É o campeão dos campeões
Verdão querido do coração



O PORCO VAI COMER SUSHI

O meu Palmeiras está pronto pra viagem
Bola e chuteira são as armas dessa guerra
Deixo espaço pra taça na bagagem
Vamos pra Tóquio arrasar com a Inglaterra
Mandei fazer um quimono verde e branco
O sol nascente vai mudar de cor
O meu Verdão tem titular até no banco
E a cada gol, vou gritar “Arigatô”

Meu coração vai viajar pro Japão

Com a Jovem Pan, fico torcendo daqui
Meu Samurai é o Felipão (Banzai!)
O Porco vai comer sushi



O SENHOR É PALMEIRENSE

O Senhor é palmeirense
Palmeirense eu também sou
Eu sou da Mancha
Ele também
Nós somos do Porco



O TIME DA VIRADA

Lê lê lê lê lê lê lê lê lê
Ô ô ô ô ô
O Palmeiras é o time da virada
O Palmeiras é o time do amor



PALMEIRAS É O CAMPEÃO

O nosso time em cada campo que passa

Só pensa em vitória
Já é tradição
O Alviverde é movido a raça
A garra e a força
Assim é o Verdão
Nossa torcida agita na arquibancada
O time em campo é só coração
Domina a bola, defende e ataca
Palmeiras!
Palmeiras!
É o campeão

Veste a camisa verde e branca

E vem curtir a emoção
Sente a galera toda vibrando
É o Palmeiras campeão

Olê Porco!

Olê Porco!



PALMEIRAS VAI JOGAR

Palmeiras vai jogar, eu vou
Palmeiras vai jogar, eu vou
Palmeiras vai jogar
A Mancha atormentar
Palmeiras vai jogar, eu vou



PARABÉNS PRO PALMEIRAS

Parabéns pra você
Que nasceu pra vencer
Meu Palmeiras querido
Nunca vou te esquecer

Chegou a hora de ganhar das galinhas

Vamos matar aquela gazelinha

Parabéns, meu Verdão!

O eterno campeão
Não existe adversário
Que vá vencer
O nosso esquadrão
E que estrague a nossa emoção

Parabéns, meu Verdão!

O eterno campeão
Pelo seu aniversário

Palmeiras!

Palmeiras!
Palmeiras!
Palmeeeeeiras!
Palmeeeeeiras!
Palmeeeeeiras!
Palmeeeeeiras!



PAULISTÃO 93

Mas eu só quero que venham jogadores
Que honrem a camisa e lutem sem parar
Vamos Palmeiras, com força de vontade
Mostrando pra torcida muita garra pra ganhar
Passam-se os anos, passam-se os jogadores
A Mancha está presente e nunca para de cantar

Por isso eu, por isso eu estou aqui

Eu sou Palestra de coração
Eu te sigo em toda parte
Com a força da paixão
Em 93, nós ganhamos o Paulistão
Foi em cima dos Gambá (filhos da puta!)
4x0 pro Verdão!



PORRADA EM GAVIÃO

Viemos do Morumba

E muitas vezes, tivemos que parar
Parar, parar pra dar porrada
Dar porrada em Gavião, dar porrada em Gavião
Gambá, vou te matar!

Porco ô ô ô ô ô

Porco ô ô ô ô ô



PORCO DA MINHA VIDA

Porco
Porco da minha vida
Você é a alegria do meu coração
Sabe que eu te quero tanto
Sou da Mancha Verde
Vamos lá, Verdão!



PRA VER MEU TIME

Pra ver meu time, não precisa de motivo
Quando ele joga, sempre vou pra incentivar
Oh, meu Palmeiras, cê pode contar comigo
A Mancha sempre está contigo, e nunca para de cantar

E dá-lhe Porco, dá-lhe dá-lhe Porco!

E dá-lhe Porco, dá-lhe dá-lhe Porco!
E dá-lhe Porco, dá-lhe dá-lhe Porco, dá-lhe dá-lhe Porco, dá-lhe dá-lhe Porco!



PULA FOGUEIRA

Pula fogueira iô iô

Pula fogueira iá iá
Cuidado para não se queimar
Porque a Mancha Verde já queimou a Raça Fla

A Raça Fla amanheceu pegando fogo, fogo, fogo

Foi a Mancha Verde que passou perto de mim
E que me deixou assim



PUTA QUE PARIU

Puta que pariu
É o melhor goleiro do Brasil: Marcos!
Puta que pariu
Libertadores o Corinthians nunca viu (e nem vai ver!)



QUÉ COSA TRISTE!

Perdeu de novo
Qué cosa triste
Ficou chorando
Qué cosa triste
E o Centenada:
Qué cosa tristeeeee!



QUEM É DA MANCHA

A Mancha Verde dá porrada em qualquer um

Se duvidar a Mancha Verde mata um (Mancha!)
Ê ê ê ê
Quem é da Mancha Verde, dá porrada pra valer (até morrer!)



QUEM MANDA É A MANCHA

É a torcida que canta

Quem manda é a Mancha
Arquibancada levanta
Quem manda é a Mancha
Solta a voz da garganta quando balança a rede
Porque quem manda nessa porra é a Mancha Verde

Eu vou chegar, licença aqui, salve Rafa

É nóis que tá na quadra ou no Parque Antarctica
A Mancha manda, canta pro Palmeiras
E quem tiver sentado, levanta da cadeira (demorou!)
Pra que eu vou ficar na numerada
Se toda a mulherada tá na arquibancada?
Eu vou ver o jogo com a rapaziada
E pode tacar fogo, porque aqui não pega nada
Sangue bom, vem com o Cabal
Vem ver a tradição do campo ou Carnaval
Primeira divisão é grupo especial
Tâmo desde o começo e vâmo até o final (até o final, tá ligado?)
Então pare e pense:
Qual torcida é o orgulho palmeirense? (Mancha!)
Faz barulho pro guerreiro Cléo
Que fez o seu papel e hoje tá no céu

É a torcida que canta

Quem manda é a Mancha
Arquibancada levanta
Quem manda é a Mancha
Solta a voz da garganta quando balança a rede
Porque quem manda nessa porra é a Mancha Verde

Oh, não tem tempo ruim pra um manchista

Se não tem ingresso, toma o cambista
Desde os tempos do Palestra Itália, muita raça
Esse Porco não quer migalha (Gol!)
Grita gol, grita “é campeão”
Não dá pra Gambá nem pra Bambi não (não!)
Na decisão, não tem perdão
É só a Mancha gritando “Parabéns, Verdão!”
Nem melhor nem pior, apenas diferente
Nosso time é pró, você não quer bater de frente (an ram!)
Olha, olha só quanta gente
Debaixo do sol, então, claro, a chapa é quente
Você é?
Então eu quero ver se você realmente sabe o que é D U G (é o que?)
Dignidade, União e Glórias
São nossas histórias, são nossas vitórias

É a torcida que canta

Quem manda é a Mancha
Arquibancada levanta
Quem manda é a Mancha
Solta a voz da garganta quando balança a rede
Porque quem manda nessa porra é a Mancha Verde



QUERO TE VER DE VERDE

Minha terra tem Palmeiras
Onde canta o torcedor
Vou de camisa e de bandeira
Ver de perto o meu amor

Meu coração veste a chuteira

E entra em campo jogador
É paixão pra vida inteira
Na alegria e na dor

Pois quando perde ou quando vence

Um só sentimento se espalha
O que vale é ser palmeirense
Io sono Palestra Itália

Quero te ver de verde

Quero te ver de verde
No meio da arquibancada
Dá uma força pro Palmeiras
Não vai ser de brincadeira
Hoje vai ter goleada

Dudu e Vavá

Marcos, Leão, Tupãzinho
Leivinha, Evair
Luís Pereira e Julinho
Djalma Santos, Edmundo, Oberdan
Salve os craques de ontem, de hoje e de amanhã
Djalma Dias, Rivaldo, Ademir da Guia
Salve essa história de glórias
Da Eterna Academia



REGGAE POWER

Ver o Corinthians cair é bom
E ganhar do Peixinho é bom
E se os Bamby também perder
Não vou parar de rir, você vai sofrer
Mentalize minha emoção
Sinta forte o meu coração
E aprenda a reagir
No futebol, não adianta se iludir

Não chora

Se um dia você ganha, no outro dia vai perder
E agora
É hora de aceitar que o Palmeiras vai vencer

Deixa o Palestra inteiro cantar

O amor da sua torcida solta pelo ar
Quem ama o Palmeiras, começa a gritar
Palmeiras, sempre vou te amaaaaar

Uô ô ô ô

Minha vida é você, meu Porco!
Uô ô ô ô
O Verdão é tradição e amor



RITMO DE FESTA

Ritmo, é ritmo de festa

Ritmo, é ritmo de festa
Ritmo de festa que balança o coração
É festa todo dia no metrô ou no buzão
Eu mato Independente e enterro Gavião
Hey, hey, hey!



SAI DA FRENTE

Sai, sai da frente

Sai, que eu vou matar Independente
Sai, sai pra lá
Sai, que hoje eu vou matar Gambá



SANTOS O CARALHO


Santos o caralho

Lugar de peixe é dentro do aquário



SE BATER DE FRENTE COM A MANCHA

Cheiro de Galinha assada
Sardinha enlatada
E a Bicharada só tem cu
Meninada do caralho
Você lembra muito bem
Correu lá do Pacaembu

Eu vou, eu vou
Então venha
E se bater de frente com a Mancha, é lenha

Eu sou da Mancha Verde, não estou de brincadeira
Vou pra qualquer lugar só pra ver o meu Palmeiras

Quer jogar no interior, então vumbora
Pois eu sei que no Palestra, todo mundo se apavora



SER PALMEIRENSE É BOM DEMAIS

Não dá pra esconder

O que eu sinto por você, Verdão
Não dá, não dá, não dá, não dá

Só sei que a Arena estremece

Com a Mancha que enlouquece
Inconscientemente, o time avança
A torcida que vibra e que canta
Libertadores, eu quero é mais!
Só sei que ser palmeirense é bom demais

Ê ô, ê ô

Êa êa ô
Imponente é o meu Porco

Cantei, o meu time empurrei, eu sei

Meu coração verde a vibrar
A Mancha sempre está lá

Ê ô, ê ô

Êa êa ô
Imponente é o meu Porco



SOMOS A MANCHA VERDE

Libertadores
Somos a Mancha Verde, a mais temida
Eu sigo o meu Palmeiras por toda vida
Vamos jogar com raça os jogadores
Para ganhar a Taça Libertadores



SOU EU DA MANCHA VERDE


Sou eu, sou eu

Sou eu da Mancha Verde, sou eu

A Gaviões não se cansa de apanhar

A Independente, na corrida, é a melhor
Jovem do Santos, toda pequenininha
Leva porrada e cabe dentro de um Fusquinha



SOU PALMEIRAS, MANCHA VERDE

Sou Palmeiras, Mancha Verde (Sou Palmeiras, Mancha Verde)

Sou torcida que canta e vibra (Sou torcida que canta e vibra)
Mancha Verde que impõe respeito (Mancha Verde que impõe respeito)
Meu Palmeiras levo no peito (Meu Palmeiras levo no peito)
Não me canso de cantar (Não me canso de cantar)
E o Palmeiras incentivar (E o Palmeiras incentivar)

Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco

Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco
Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco
Dá-lhe Porco, dá-lhe Porco



SOU PALMEIRENSE DE CORAÇÃO

Graças a Deus, eu sou Verdão

E ele está no coração
Ele ganhando, ele perdendo
Sou palmeirense de coração

Olê Porco, Olê Porco

Olê Porco, Olê Porco
Olê Porco, Olê Porco
Olê Porco, Olê Porco



T DE TORCIDA

T de Torcida Uniformizada
O P é de Palmeiras, sempre juntos na bancada
Essa é a TUP, e quem nunca viu?
No Palestra Itália, nosso bonde é mais de mil
Tem que respeitar, não é mole não
Faça sol ou faça chuva, tâmo junto com o Verdão
No Maracanã, Morumbi ou Mineirão
Arena da Baixada sempre fui é tradição
No norte-nordeste, não posso me esquecer
O Verdão vai lá jogar e eu vou junto com você
Centro-Oeste é dominado, só cola quem é
Whisky, energético, cerveja e mulher
De leste a oeste, na norte ou na sul
Eu sou da mais vibrante, loucos da Turiassu
Preste atenção para não se esquecer
Baixada Paraná, Recife e o ABC
Dourados e Cuiabá, você tem que respeitar
Itapira vem chegando, interior é nóis que tá
A TUP é tradição, Pouso Alegre vou dizer
Eu sou da mais vibrante, orgulho sempre de ser



TÔ NEM AÍ

Tô nem aí, tô nem aí

Pra bicharada, pros gambás, nem pros lambaris
Tô nem aí, tô nem aí
Eu sou Palmeiras, e a Mancha é quem manda aqui



TRISTE E ALEGRE

Eu vou lá no Palestra, eu vou vencer

No Morumbixa, o couro vai comer
Em Itaquera, dou porrada em gavião
E na Vila Belmiro, vou pescar o tubarão

A felicidade nem sempre é uma certeza

Mas se o meu Palmeiras joga, vou tomar uma cerveja
Se eu ganhar, se eu perder, tanto faz
O que importa é ser Verdão

Eu fico triste, alegre

Sem meu Palmeiras, fico triste
Com ele, eu fico alegre



UH, PULAÊ!

Uh, pulaê!
Vai ser gay até morrer



UNIÃO DO TERROR


União do terror

Mancha Verde e a Bamor



UNIÃO SINISTRA

União sinistra que ninguém segura

Mancha Verde e Galoucura



VAMO SÃO PAULO

Vai lá, vai lá, vai lá

Que esse é o seu dom
Vamo São Paulo
Vamo São Paulo
Vamo passar batom



VAI NÃO, PODE NÃO

Ei, tu quer vencer?

Quero não
Num quer por que?
Por nada não
Tu quer jogar?
An An!
Num quer por que?

Vai não, pode não

O Timão é timinho de ladrão
E é freguês do Verdão



VEM BRIGAR COM A MANCHA

Vem Raça Fla

Vem Young Flu
Vem brigar com a Mancha que eu vou queimar mais um



VOLTAREMOS

Voltaremos, voltaremos, voltaremos outra vez
A ganhar o Brasileiro, como em 93



VOU TORCER PRO MEU VERDÃO

Tu ta ta
Tu tu ta ra ra
Vou lá no Palestra Itália, que o Palmeiras vai jogar

Tu ta ta

Tu tu ta ra ra
Vou torcer pro meu Verdão e dar porrada em Gambá

Tô chegando, pode vazar

Hoje a Mancha Verde veio pra te atormentar
Tô chegando, olha o Verdão aí
E quem for Gambá, vai começar a se iludir



Faltou alguma música importante da torcida? Conhece alguma outra interessante? Mande a letra para alviverdeimponente1914@gmail.com e avaliaremos com a maior brevidade. Devido à grande quantidade de e-mails, pedimos apenas que, no campo "assunto", você escreva MÚSICAS, para facilitar o nosso trabalho.

 
Criar um Site Grátis    |    Crear una Página Web Gratis    |    Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net